Mensagens

A mostrar mensagens de Maio, 2018
Imagem
PRISÃO ACADÉMICA A Universidade de Coimbra teve durante muito tempo o privilégio excepcional de se reger por legislação própria, chamado de Foro Académico, estando independente de Foro comum. As estruturas atualmente subsistentes do que foi, até 1834 , o cárcere académico correspondem a três fases distintas de utilização do mesmo espaço: a primeira ligada às estruturas originais do palácio régio; as restantes no quadro já da ocupação universitária.   Aquando do início da construção da biblioteca descobriram-se umas ruinas que teriam pertencido a uma antiga prisão. Desta forma decidiram não destruir essas ruinas, adaptando-as ao novo edifício. Desta antiga prisão medieval, ainda resta duas celas estreitas e uma escada em caracol. Assim sendo o cárcere académico de Coimbra guarda uma parte da única cadeia medieval que subsiste em Portugal. Assim, este piso com o decorrer dos anos teve várias utilizações, servindo, também, de suporte às salas nobres, de depósito e de arrecadaçã